Arrow - 4x11


E novamente eu me atrasei com o post de review de Arrow!!!!

Desculpem-me, mas desta vez foi porque eu fiquei tão em êxtase com o episódio que quis aproveitar o dia seguinte para ler tudo que poderia e só então vir aqui para escrever as minhas impressões.

Vamos para a brincadeira então, porque o episódio foi simplesmente MARAVILHOSO!!!!


Sinceramente! Quando acabei de ver "AWOL" na quarta-feira à noite eu estava como no gif abaixo.


Amei o episódio! Foi perfeito! Definitivamente! Eu tinha achado que "Lost Souls" havia sido o melhor episódio desta temporada, mas acho que "AWOL" conseguiu superá-lo.

E por qual motivo: OTA!!! Episódio focado em Oliver, Felicity e Diggle sempre rende as melhores histórias. Sempre. Exemplo com o "Restoration", o terceiro desta season, que também focou nos três e está definitivamente entre meus preferidos deste ano.

É difícil compartimentalizar este episódio, mas vamos lá...

John e Andy Diggle

Pela primeira vez na temporada eu me importei com os flashbacks. #finalmente 

Assisti mesmo, com vontade, prestando atenção porque a história se fez relevante para gente. Saber mais sobre o passado de John e como era sua relação com Andy foi bacana demais.

Além disto, tudo o que se referiu aos dois durante todo o episódio foi excelente. Eu sinceramente confesso que achei que mais uma vez, Andy trairia John, mas fui surpreendida.


Só que embora as coisas tenham acabado da forma mais feliz ever, com Andy indo jantar na casa de John e conhecendo a fofura que é a sua sobrinha, Sara, confesso, ainda estou com medo de Andy aprontar alguma. Não sei não...

Dyla

Olhem bem para isto!!!! Coisa mais linda do mundo que são John e Lyla, amo de paixão!!!


Eles são o um dia, Oliver e Felicity serão. Adoro demais e não poderia deixar de mencionar que ter Lyla de volta foi uma das melhores coisas do episódio. E acho que agora ela voltou de vez.

Ação na ARGUS

Outra razão para ter amado o episódio: as sequências de ação de Arrow são fodásticas!!!


Juro para vocês!!! Fiquei sem desgrudar os olhos da tela do computador durante toda esta cena de ação. #perfeita #amei #badass

Gente, e a morte da Amanda Waller?! Fiquei cho-ca-da!!!! Não esperava mesmo!!!! Ela era uma bitch, mas não gostei que a tenham matado, ainda mais porque a gente sabe que (no fundo) esta morte tem a ver com o fato de Suicide Squad estar chegando nas telonas e a DC está sendo chata e tirando os personagens do filme que estavam em Arrow. #nãogostei

Por que tiram os de Arrow? The Flash estará nos dois universos e a DC não vê problemas nisto né?! #sei




Oliver e Laurel

Não, eu não estou delirando. Sim, eu gostei de uma cena dos dois. Principalmente porque pela primeira na vida de Oliver (acho, não me lembro de outra), ele finalmente confidenciou a Laurel, algo que ainda não tinha dito a ninguém, o fato de Barry poder viajar no tempo. E a reação de Laurel... hahaha... adorei!


Fora que... chega né? Será que ainda não ficou claro que não existe MAIS NADA de romance entre estes dois? Na verdade, desde a season 2 que não há mais nada. Os autores já deram provas e mais provas que Oliver e Laurel serão amigos, parceiros na luta contra o crime, mas nada além disto.


Séries de TV são obras abertas, e o que não dá certo eles resolvem mudar, porque assim são as coisas quando se trata de televisão e dramaturgia. A ação e reação é instantânea e se algo não for feito rápido, já era. Seriados (especialmente os de super-heróis) não são cópias fieis dos quadrinhos, eles o usam como fonte para escrever a série. #ponto

Algumas coisas que vêm dos quadrinhos dão super certo, outras não. Black Canary e Green Arrow funcionam como parceiros na luta contra o mal, mas não serão casal em Arrow. Quem estiver insatisfeito é só ficar com os quadrinhos.

Felicity Smoak

Confesso que a forma como os autores tratariam a paralisia da Felicity me preocupava. Não queria de jeito nenhum que a personagem sofresse como na temporada passada e fosse culpada de tudo, quando na verdade, ela apenas reagia ao que acontecia ao seu redor.

Mas gostei da forma como tudo aconteceu neste episódio. Ela lutou contra a sensação de desespero, tristeza, desânimo e depressão que tomou conta dela e conseguiu se reencontrar. Conseguiu entender que sua nova condição física não tira dela a heroína que se tornou desde que começou a fazer parte do Team Arrow!!!

Oliver Queen

Olhem bem para os olhos deste homem e me respondam: Felicity Smoak é a razão dele viver ou não?



A culpa que Oliver vinha carregando dentro de si e o que o levou a ficar longe dela no episódio passado, enquanto corria atrás de Damien Darhk procurando revanche pela maldade que ele fez com Felicity, está nas lágrimas dele nesta cena. #meucoraçãoaperta

A forma como ele sequer consegue encará-la com firmeza nos três primeiros gifs ao ouvir Felicity dizer que nenhum dos dois têm culpa no que aconteceu. E na última imagem o sorriso doce que ele oferece a ela, ainda que em meio à dor e ao alívio, finalmente aceitando a situação. 

Como ainda podem achar que este homem não a ama o suficiente? Que ela não é a mulher da vida dele? Como ainda há dúvidas quando os olhos dele dizem o contrário? Quando tudo o que ele faz prova exatamente o oposto?

E para encerrar, Stephen Amell simplesmente arrasou nesta cena sem quase falar nada. Foi perfeito, perfeito, perfeito. O sentimento de Oliver é tão real que é impossível a gente não se emocionar.


Olicity

Deixe por último o que mais amo porque sinceramente, o que mais tenho a dizer sobre Oliver e Felicity? A forma como Oliver esteve lá por ela durante todo o episódio, a maneira como ela encontrou (mesmo em seu momento mais difícil) de mostrar a ele que vencerão isto juntos, e no final (na cena do quarto deles) aquele momento de cumplicidade e de esperança, mesmo sabendo da dificuldade do que enfrentarão. Tudo isto me deixou encantada. 

Sinceramente, Stephen Amell e Emily Bett Rickards fazem de Oliver Queen e Felicity Smoak o que são porque não existe no mundo, química como a que vejo entre este dois. E olha que já vi séries para caramba nesta vida hien?!

É fácil para os dois atores interpretarem estes personagens porque ambos os entendem tão bem e sabem exatamente como a dinâmica entre o casal deve ser. Eu simplesmente sou apaixonada pelo que Stephen e Emily fazem quando dividem cenas juntos. #perfeiçãodefine


O que faltou falar...

O codinome da Felicity: Overwatch. O que na hora me fez lembrar de Watchtower, da Chloe Sullivan, de Smallville, que também era a namorada de Oliver Queen/Green Arrow. #adorei

Delicity... que amor gente!!!! Quero mais disto, muito mais!!!


Fofura, muita fofura....


****

Ufa!!!! Finalmente terminei! Acho que foi o episódio sobre o qual mais escrevi. hahahaha... Também, gostei de tudo!!!!!

Semana que vem teremos Roy de volta e a chegada do pai da Felicity. Tem tudo para ser um ótimo episódio!




Kisses, Ludy

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sobre Lois Lane & Clark Kent

Arrow - 4x03

Porque eu admiro Tessa Virtue e Scott Moir - Vídeo 18